Warning: exec() has been disabled for security reasons in /home/storage/8/6a/a1/cursosinterativos1/public_html/blogmetodologia/wp-content/plugins/wp-video-posts/classes/wpvp-helper-class.php on line 31
Blog CURSOS INTERATIVOS Metodologia ADVANCE | Ensino interativo
Marketing Educacional TREINAMENTOS

Comercializando e estabelecendo preços dos cursos

0
Comercializar os cursos

Como vender seus cursos do jeito certo? A venda de cursos em pacotes é a solução mais recomendável, pois garante seu faturamento por vários meses. Para incentivar esse tipo de venda você pode oferecer descontos, brindes, ou pagar uma comissão às vendedoras sobre o valor total do contrato.

Cada curso tem que ter um valor unitário estabelecido e fixo. Assim, você dissocia a duração do curso do preço e do modo de pagamento. Vender cursos por horas ou por meses de aulas não é o jeito certo de vender. Vários argumentos existem para justificar esta afirmação, como por exemplo:

  • A falta de segurança da parte financeira (o aluno pode parar a qualquer momento sem ter pago o preço total do curso).
  • A qualidade de ensino seria prejudicada: o aluno buscaria acabar o curso o mais rápido possível para pagar menos.
  • Os alunos mais lentos seriam prejudicados.

Para facilitar ainda mais a venda, é bom incluir o preço do material didático no preço total do curso. Vender a apostila separadamente não é recomendável uma vez que o uso da apostila é obrigatório para cada curso.

Quando você estabelece seu preço de venda de curso, conhece a capacidade da sua escola e o valor das suas despesas fica muito mais fácil estabelecer suas metas de vendas para manter sua escola saudável e lucrativa.

Estabelecendo o preço dos cursos

Para estabelecer um preço que seja ideal, você precisa primeiramente tomar em consideração critérios como:

  • Analisar o preço oferecido pela concorrência e descobrir o seu diferencial.
  • Não se pode comparar um curso em turma e um curso individual como o nosso, onde o aluno tem um computador à sua disposição, com apostila e professor capacitado. É quase um curso VIP.
  • A carga horária e o conteúdo do curso são fundamentais.
  • As especificações da sua escola como ar condicionado, ambiente, computadores modernos, vantagens, etc.
  • Analisar suas necessidades para poder pagar suas despesas fixas e ter benefícios com um número mínimo de alunos que esteja dentro da capacidade da sua escola.
  • Estabelecer um preço que vende (o bom exemplo são esses preços como o de R$ 1,99, porque parece 1 real mas, na verdade, são 2 reais).

Na hora de estabelecer o preço você tem que pensar também na imagem que você vai vincular através do preço. Se você colocar o preço mais baixo da cidade o seu curso poderá ser considerado o mais inferior da cidade e vai dar argumentos para seus concorrentes falarem mal de seu curso. Assim como colocar o preço mais alto da cidade, lhe dará uma imagem de curso inacessível.

O ideal seria escolher um preço que seja um pouco acima da média que permite:

  • Valorizar seus cursos sem os deixar inacessíveis. As pessoas que querem estudar de verdade, preferem pagar um pouco mais para Ter um curso de qualidade.
  • Selecionar seu público. Selecionando seu público, você talvez terá um pouco menos de alunos, mas terá mais segurança quanto ao seu faturamento.
  • Ocasionalmente, se o numero de alunos estiver baixo, poderá fazer uma promoção com preço reduzido, mas também com carga horária reduzida, ou sem cursos grátis, etc.

Baixe gratuitamente o catalogo sugestivo de cursos em COREL, caso seja licenciado clicando aqui, caso não seja, conheça a Metodologia ADVANCE e saiba mais como se tornar um licenciado e poder usufruir de um enorme acervo de materiais para captação, divulgação e administração da sua escola!

Comentários

comentários

Dicas para que não ocorram erros em sua escola que te levem à falência
Marketing boca-a-boca para sua escola
Leia também